Além de exoplanetas, “exoluas” teriam condições de abrigar vida

Cientistas estudam “exoluas” com características que permitiriam a existência de vida

  • 268
  •  
  •  
  •  
  •  

 

Ilustração de exolua potencialmente habitável orbitando planeta gigante – Imagem: Nasa

Novas informações do telescópico Kepler revelaram 121 exoplanetas, do tipo gigante gasoso, que poderiam abrigar luas habitáveis. Esta semana, João Steiner comenta a descoberta – além dos exoplanetas, que são aqueles que ficam fora do nosso sistema solar, de como poderíamos ter “exoluas” com condições para a vida.

Para ser considerado dentro da zona habitável, um planeta deve se situar longe o suficiente da estrela que orbita, para não ficar escaldante, mas também suficientemente próximo dela para que haja água na superfície em forma líquida. Em Entender Estrelas, o astrofísico da USP nos dá mais detalhes.

Ouça a coluna na íntegra no player acima.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 268
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados