Abrir fronteiras brasileiras para venezuelanos é questão humanitária

Leis internacionais consideram abertura importante nos casos de problemas sociais

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

Para o professor Luciano Nakabashi, a questão de abrir as fronteiras brasileiras para os venezuelanos é humanitária, pois eles são quase nossos irmãos, como todos os latinos. “Essa questão é importante, deve-se abrir a fronteira em questões de guerras ou problemas sociais nos países vizinhos.”

Ainda de acordo com o colunista, abrir as portas não será um problema para o Brasil. “O Brasil foi construído pelos imigrantes, mas não temos mais fluxos de chegadas pelo difícil crescimento econômico que o País enfrenta desde a Segunda Guerra mundial.”

A chegada dos venezuelanos no País pode causar impactos positivos na economia, segundo o professor. “A gente tem condição de receber essas novas mãos de obra nos Estados do Centro-Oeste, principalmente. É uma mão de obra que pode ajudar na produção nacional.”  

Ouça, no link acima, a íntegra da coluna do professor Luciano Nakabashi.

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados