A influência das geleiras no nível do mar ao redor do mundo

Professores da USP analisam pesquisa que mostra essa influência em 293 cidades, incluindo três brasileiras

 13/04/2018 - Publicado há 4 anos
Por

As mudanças no nível do mar em diversas cidades litorâneas do mundo é um assunto muito em pauta. Uma pesquisa feita por engenheiros do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa e publicada na revista Science Advance mostra como 293 municípios espalhados pelo globo são afetados por diversas geleiras. Recife, Belém e Rio de Janeiro estão entre eles. Joseph Harari, professor e chefe do Departamento de Oceanografia Física, Química e Geológica do Instituto de Oceanografia da USP, explica que o litoral brasileiro como um todo segue a média global, com um aumento de aproximadamente 3 milímetros por ano do nível do mar.

Eduardo Siegle, livre docente do Instituto Oceanográfico da USP, relata que, caso continue nesse ritmo, estima-se que em oito décadas as medições estarão marcando entre um e dois metros. De acordo com os especialistas, alguns dos fatores que influenciam o nível do mar são: a altitude, a circulação geral dos oceanos e as variações do campo gravitacional.

Joseph Harari finaliza dizendo que o assunto ”se tornou um problema global”, e que é preciso um ”esforço conjunto de toda a sociedade para resolvê-lo”.

Conjuntamente com a pesquisa, foi disponibilizada uma ferramenta grátis e on-line que monitora a influência das geleiras nessas 293 cidades. Confira a matéria completa no player acima.

 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.