A influência das geleiras no nível do mar ao redor do mundo

Professores da USP analisam pesquisa que mostra essa influência em 293 cidades, incluindo três brasileiras

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

As mudanças no nível do mar em diversas cidades litorâneas do mundo é um assunto muito em pauta. Uma pesquisa feita por engenheiros do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa e publicada na revista Science Advance mostra como 293 municípios espalhados pelo globo são afetados por diversas geleiras. Recife, Belém e Rio de Janeiro estão entre eles. Joseph Harari, professor e chefe do Departamento de Oceanografia Física, Química e Geológica do Instituto de Oceanografia da USP, explica que o litoral brasileiro como um todo segue a média global, com um aumento de aproximadamente 3 milímetros por ano do nível do mar.

Eduardo Siegle, livre docente do Instituto Oceanográfico da USP, relata que, caso continue nesse ritmo, estima-se que em oito décadas as medições estarão marcando entre um e dois metros. De acordo com os especialistas, alguns dos fatores que influenciam o nível do mar são: a altitude, a circulação geral dos oceanos e as variações do campo gravitacional.

Joseph Harari finaliza dizendo que o assunto ”se tornou um problema global”, e que é preciso um ”esforço conjunto de toda a sociedade para resolvê-lo”.

Conjuntamente com a pesquisa, foi disponibilizada uma ferramenta grátis e on-line que monitora a influência das geleiras nessas 293 cidades. Confira a matéria completa no player acima.

 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados