USP em São Carlos seleciona voluntários que sofreram derrame

Voluntários participarão de pesquisa do Instituto de Física de São Carlos, que inclui avaliação e tratamento

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O Grupo de Óptica do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP está realizando uma triagem de voluntários que já sofreram Acidente Vascular Encefálico (AVE), popularmente conhecido como derrame, para avaliação e tratamento.

O objetivo é avaliar as alterações sensoriais e motoras ocorridas em pessoas que sofreram AVE, que se traduz, entre outras coisas, na dificuldade de caminhar, subir e descer escadas, alimentar-se, vestir-se, pentear os cabelos etc.

Para avaliar esses movimentos, será utilizado um sensor portátil, cosmético e de fácil uso, capaz de fazer o diagnóstico e acompanhamento do processo de reabilitação de pacientes que sofreram AVE. O sensor foi desenvolvido pelos pesquisadores Rene Casarin e Guilherme Thiago Chaves, do Laboratório de Apoio Tecnológico do IFSC, sob a coordenação do professor do Vanderlei Salvador Bagnato. O projeto term parceria com a empresa CARCI, Santa Casa de Misericórdia de São Carlos e UFSCar.

Para a realização do tratamento, uma equipe multidisciplinar de profissionais da saúde realizará estimulação elétrica funcional dos membros superiores e inferiores, além de avaliações biomecânicas.

Os exames e atendimento clínicos serão totalmente gratuitos, e os interessados em participar ou indicar alguma pessoa para participação deverão entrar em contato com a pesquisadora Fernanda Paolillo, por meio do e-mail fer.nanda.rp@hotmail.com ou pelo telefone (16) 3373-9810 (ramal 218).

Assessoria de Comunicação do IFSC

Mais informações: (16) 3373-9810 (ramal 218), e-mail fer.nanda.rp@hotmail.com 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados