Sofrimento psíquico na academia é tema de evento na USP

Colóquio no Instituto de Física será realizado dia 17 de maio; evento recebe o médico Eduardo de Castro Humes

Por - Editorias: Universidade
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O sofrimento psíquico é um fenômeno universal, que não faz diferenciação em relação a classe, raça, gênero ou graduação acadêmica. Entretanto, pouco espaço é dado para pensar como estamos, como estão aqueles a nossa volta e o que fazer com essa informação.

Um colóquio no campus da USP em São Paulo promoverá uma breve discussão do processo de adoecimento psíquico e vai falar sobre os principais transtornos, como buscar auxílio e o que devemos ter em mente para evitar ou mitigar este sofrimento, com ênfase principal nas relações da pós-graduação.

O palestrante é o médico Eduardo de Castro Humes. Formado pela USP, com residência médica em Psiquiatria, Humes é médico assistente psiquiatra do Hospital Universitário (HU) da USP, onde é o coordenador do Ambulatório da Divisão de Psiquiatria e Psicologia e o responsável pelo Ambulatório Didático de Psiquiatria dos internos do HU. É também o coordenador do Grupo de Assistência Psicológica ao Aluno (Grapal) da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP).

O evento será realizado dia 17 de maio, a partir das 16 horas, com transmissão ao vivo via IPTV. O local é o Auditório Abrahão de Moraes do Instituto de Física (IF) da USP, localizado na Rua do Matão, 1371, Travessa R, na Cidade Universitária, em São Paulo. A entrada é gratuita.

Da Assessoria de Comunicação do IF

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados