Reportagem da USP recebe prêmio de jornalismo científico

Estagiário de jornalismo na Esalq, Caio Nogueira foi premiado pela matéria “Benefícios da Romã à Saúde”

Por - Editorias: Universidade
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail
Caio Nogueira Antunes com o prêmio Premio de Periodismo Científico del MERCOSUR - Foto: Emanuel Pujol
Caio Nogueira Antunes, com o Premio de Periodismo Científico del Mercosur – Foto: Emanuel Pujol

Caio Nogueira Antunes, 21 anos, acadêmico do 4º semestre de Jornalismo da Unimep e estagiário em Jornalismo na Divisão de Comunicação da Esalq, recebeu na manhã desta terça-feira, 22 de novembro de 2016, em Assunção (Paraguai), o Premio de Periodismo Científico del Mercosur pela matéria Benefícios da Romã à Saúde, divulgada no site da instituição, e em outras mídias locais e nacionais, em agosto deste ano.

No último dia 17 de novembro, Antunes recebeu mensagem do Consejo Nacional de Ciencia y Tecnología (Conacyt) informando que havia obtido o primeiro lugar na Categoria Escrita, modalidade Junior. Esta edição, que teve como tema “Ciencia, Tecnología e Innovación para la Alimentación”, contou com o apoio da Unesco atendendo ao programa anual da Organização das Nações Unidas (ONU). A iniciativa é da Reunión Especializada de Ciencia y Tenología del Mercosur.

O principal objetivo da premiação é promover a comunicação da ciência, tecnologia e inovação no Mercosul e dar visibilidade a estas nos meios de comunicação dos países membros e associados deste bloco econômico sul-americano, além de fomentar a participação dos jovens em atividades que envolvam o tratamento da informação voltado à ciência.

Nesta edição, foram inscritos trabalhos da Argentina, Brasil, Bolívia, Colômbia, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

Para Antunes, a conquista foi muito importante por se tratar de um prêmio internacional, no qual oito países do Mercosul participaram. “Por ser meu primeiro prêmio de Jornalismo, torna tudo mais especial ainda. O que a Conacyt faz é muito importante, pois eles incentivam a escrita científica, e ser reconhecido por um texto produzido na Divisão de Comunicação da Esalq me deixa mais orgulhoso ainda por fazer parte dessa equipe”, declarou o estagiário.

Leia o trabalho premiado: Benefícios da romã à saúde

Alicia Nascimento Aguiar / Divisão de Comunicação da Esalq

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados