Pesquisa busca voluntários para consumir azeite extravirgem

Objetivo do estudo é verificar os efeitos do consumo de azeite no tecido adiposo marrom

Por - Editorias: Universidade
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn1Print this pageEmail
Foto: Steve Buissinne via Pixabay – CC

.
Um estudo sobre o efeito do consumo de azeite de oliva no tecido adiposo marrom busca homens e mulheres dispostos a participar como voluntários. É preciso ter entre 25 e 40 anos e não ser fumante nem diabético.

Os participantes receberão dois litros de azeite extravirgem e terão acesso a exames e avaliação da composição corporal.

Além de exames laboratoriais, os voluntários também serão submetidos a ressonância magnética do tronco e densitometria óssea.

O local da pesquisa é o Centro de Medicina Nuclear do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina da USP. O prédio é anexo ao Instituto de Radiologia, localizado na Rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 872, Cerqueira César, próximo ao Metrô Clínicas, em São Paulo.

Os interessados devem entrar em contato com a pesquisadora Milena Pires pelo e-mail bat.azeite@gmail.com, até janeiro de 2018.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn1Print this pageEmail

Textos relacionados