Ouvido, nariz e garganta são especialidades do otorrinolaringologista

Moléstias do ouvido, nariz e garganta provocam grande impacto na qualidade de vida

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O profissional de Otorrinolaringologia trata especificamente das doenças do ouvido, do nariz e da garganta. A jornalista Miriam Ramos convidou para discorrer sobre essa profissão a doutora Jeane Oiticica, orientadora da Faculdade de Medicina da USP.

“ Em grego :Otos significa ouvido, Rino significa nariz e Laringo é garganta. Essas áreas são interligadas  com as mais diversas regiões da cabeça e do pescoço , o que  exige, cada vez mais,  uma abrangência de atuação desse profissional . Isso envolve distúrbios respiratórios do sono, roncos e apnéias, zumbidos, fraturas faciais, distúrbio de deglutição e muito mais.”

Do ponto de vista prático, trata-se de uma profissão muito dinâmica, com atuação clinica e cirúrgica para doenças muito prevalentes e com elevado impacto na qualidade de vida dos indivíduos.

“O segredo do sucesso é fazer o que você gosta”, diz a doutora Jeane.

Ouça na íntegra o programa Abrace uma Carreira sobre  Otorrinolaringologista

Bloco 1

Clique aqui para fazer o downloadlogo_radiousp

Bloco 2

Clique aqui para fazer o downloadlogo_radiousp

Bloco 3

Clique aqui para fazer o download

A proposta do Abrace uma Carreira é divulgar e tirar dúvidas de jovens estudantes sobre as profissões. Em cada edição, especialistas relatam suas experiências e respondem às perguntas feitas pelos estudantes.

O programa vai ao ar na Rádio USP- 93,7 MHz, toda  quinta-feira, às 13 horas, com reprise aos domingos, às 16 horas.

Sugestões e perguntas pelos e-mails:abrace@usp.br e miriamramos@usp.br

 

logo_radiousp

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados