FFLCH lança site em inglês com descrição de pesquisas de professores

Iniciativa da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas tem o objetivo de alcançar alunos, pesquisadores e professores estrangeiros

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
20160920_01_sitefflch
Para a comissão, site é instrumento para dar visibilidade internacional à faculdade – Foto: Reprodução

A Comissão de Cooperação Internacional da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP lançou, no dia 19 de setembro, um site com a descrição em inglês de todas as pesquisas realizadas pelos professores da faculdade. O objetivo é aumentar a visibilidade das pesquisas, já que, segundo a comissão, a maior parte de seus interlocutores não compreende português.

O site é destinado a alunos estrangeiros que têm interesse em realizar estágios em graduação no Brasil, pesquisadores de outros países que participam de redes de pesquisa em laboratório e professores convidados.

A comissão tem a proposta de criar um instrumento que dê visibilidade internacional com o portal. “Há uma limitação no processo de internacionalização da faculdade. Por termos uma língua exótica, o português, existe um desconhecimento das faculdades estrangeiras das pesquisas desenvolvidas aqui”, afirma o professor do Departamento de Filosofia da FFLCH Vladimir Safatle.

As descrições do site foram feitas pelos próprios docentes responsáveis pelas pesquisas. O site foi publicado após a organização de um portal semelhante em português. Além de uma descrição geral, é possível saber o nome do autor do estudo e um e-mail de contato.

No site já constam todas as pesquisas desenvolvidas pelos professores da faculdade, que somam mais de 600. As pesquisas são separadas em cinco áreas (que separam também os cursos de graduação da faculdade): geografia, história, línguas e literatura, filosofia e ciências sociais e divididas no site em subáreas, como história econômica e social. Para acessar o site, baste clicar neste endereço.

Com informações da Comissão de Cooperação Internacional da FFLCH

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados