Festival de ciência começa na segunda-feira em bares de 22 cidades

Nas noites de 15, 16 e 17 de maio, o Pint of Science vai promover conversas entre cientistas e o público

Por - Editorias: Extensão
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn228Print this pageEmail
Imagem: Divulgação/Pint of Science

O que nuvens no céu podem ter a ver com um copo de cerveja? Quem for ao Bar Memorial, em São Paulo, nesta segunda-feira (15), poderá descobrir essa e outras curiosidades científicas no bate-papo com o professor do Instituto de Física (IF) da USP Alexandre Correia. A atividade é uma das atrações do festival internacional Pint of Science no Brasil. Confira aqui a programação completa.

Pesquisadores dos diversos campi da Universidade estarão entre os convidados dos encontros que levam debates da ciência de forma acessível e divertida ao público. Neste ano, o festival acontecerá em 22 cidades brasileiras nas noites de 15, 16 e 17 de maio, apenas em ambientes descontraídos, como bares e restaurantes.

Piracicaba participará pela primeira vez do festival, através de iniciativa do Centro de Energia Nuclear na Agricultura (Cena), instituto especializado da USP localizado no campus Luiz de Queiroz. Sobre comida, remédios e sexo (de insetos!) é o tema de uma das conversas que acontecerão em um restaurante no centro da cidade.

São Carlos foi a primeira cidade da América Latina a realizar o Pint of Science. A edição pioneira ocorreu em 2015, realizada pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP. Neste ano, a professora Kalinka Castelo Branco vai falar sobre a relação entre segurança computacional e os famosos drones.

Professor da USP, Marco Antônio de Almeida estará em Ribeirão Preto falando de histórias em quadrinhos que trazem temas como crimes na internet, sistemas de vigilância informatizados e invasão de privacidade.

Em São Paulo, serão ao todo 53 atrações, distribuídas em nove diferentes locais, abordando temas como origem das espécies, empreendedorismo na ciência e efeito placebo.

Em âmbito nacional, o festival é patrocinado pela Pró-Reitoria de Pesquisa da USP, eScience Unicamp, Verakis e por quatro Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (Cepids), financiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp): o Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria, o Centro de Pesquisa e Inovação em Biodiversidade e Fármacos, o Centro de Pesquisa, Educação e Inovação em Vidros e o Centro de Pesquisa em Obesidade e Comorbidades.

A entrada no Pint of Science é gratuita e as pessoas só pagarão o que consumirem nos locais em que ocorrerá cada bate-papo. Como não são realizadas inscrições ou reservas antecipadas, recomenda-se que as pessoas cheguem antes para garantir seu lugar.

Com informações do Pint of Science Brasil e Assessoria de Comunicação do ICMC

Mais informações: site www.pintofscience.com.br

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn228Print this pageEmail

Textos relacionados