Entenda os principais indicadores e métricas de produção científica

O Sistema Integrado de Bibliotecas da USP disponibilizou em seu site um material em português sobre eles

Por - Editorias: Universidade
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail
Além de informações sobre os indicadores, site também traz diversos outros conteúdos para apoiar as atividades dos pesquisadores – Foto: WDS-2/Poli

.

O uso de indicadores e métricas de produção científica é uma prática rotineira na avaliação da qualidade e desempenho de pesquisa. Mas para quem não domina a língua inglesa, pode ser difícil compreender o que são esses indicadores e como ferramentas como InCites e o SciVal os utilizam.

Pensando nisso, o Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBi) da USP disponibilizou a bibliotecários, pesquisadores e demais interessados uma página com a lista dos principais indicadores e suas definições em português.

Lá são explicados conceitos como o índice H, fator de impacto do periódico, porcentagem de internacionalização, entre outros. O material também apresenta algumas métricas alternativas, que consideram, por exemplo, o compartilhamento em blogs e redes sociais.

Essa lista integra uma área do site especialmente destinada a apoiar as atividades dos pesquisadores. Uma das seções lista, em ordem alfabética, 168 bases de dados. Elas reúnem normas técnicas, publicações acadêmicas, além de referências e materiais para pesquisa em diversas áreas do conhecimento.

O site informa sobre os gerenciadores de referências e citações, como o Zotero e o Mendeley, que contribuem para organização e controle das leituras durante a redação de trabalhos.

A área traz ainda informações sobre escrita e publicação científica, identificação do pesquisador, agências e oportunidades de financiamento, integridade e prevenção do plágio, entre outros. A iniciativa é inspirada em bibliotecas acadêmicas e de pesquisa do exterior.

O SIBi é um órgão da Reitoria da USP responsável por alinhar a gestão da informação, da produção intelectual e das bibliotecas institucionais aos objetivos da Universidade. Leia mais sobre o sistema na reportagem: Muito além dos livros, sistema de bibliotecas da USP dá suporte à comunidade acadêmica

Com informações do SIBiUSP

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados