Clínica do Leite de Piracicaba tem padrão de qualidade internacional

A clínica foi acreditada pelo segundo ano consecutivo pelo Inmetro, seguindo todos os quesitos dos melhores laboratórios de análise de leite do mundo

Por - Editorias: Universidade
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail
O laboratório é credenciado pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento | Foto: Roberto Amaral
O laboratório é credenciado pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento | Foto: Roberto Amaral

A Clínica do Leite do Departamento de Zootecnia da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba, recebeu durante três dias a visita de auditores do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e foi acreditada pelo segundo ano consecutivo.

O laboratório é credenciado pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e como tal, os gestores da clínica haviam entrado, há dois anos, com pedido de acreditação pelo Inmetro. Como não foi observada nenhuma não conformidade crítica, a equipe de avaliadores recomendou mais uma vez a acreditação, com base nas exigências da norma ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005.

Diante dessas avaliações, a clínica, que é dividida em três setores, permanece com o padrão de qualidade internacional, seguindo todos os quesitos dos melhores laboratórios de análise de leite do mundo. O setor de Academia é responsável pelos treinamentos destinados a técnicos e produtores na parte de gestão; o setor de Sistema de Informação gera ferramentas e softwares para ajudar o produtor a gerenciar melhor sua fazenda; o Laboratório é a unidade que monitora o leite produzido no País.

Para o gerente técnico da Clínica do Leite, Laerte Dagher Cassoli, a acreditação é um reconhecimento e uma evidência da importância do trabalho para a sociedade. “Isso passa pela essência da USP – realizar um trabalho de excelência, de vanguarda, e esse trabalho é feito aqui, totalmente alinhado com o propósito da Universidade. A acreditação é um reconhecimento de que operamos com alto padrão de qualidade, como qualquer laboratório de ponta no mundo”, destaca Cassoli.

A acreditação é um reconhecimento de que operamos com alto padrão de qualidade, como qualquer laboratório de ponta no mundo.

De acordo com o gerente, um outro diferencial do laboratório consiste nas pessoas que lá trabalham. “Nossos equipamentos de análise são os mesmos de outros laboratórios de ponta no mundo e a estrutura também é muito parecida, mas o que faz a diferença realmente é a equipe. A qualidade é construída a partir das pessoas. É fundamental termos um time muito bem treinado e engajado, para que tenhamos eficiência nos processos e, consequentemente, qualidade”, finalizou Cassoli.

Os auditores do Inmetro também exaltaram o grau de engajamento dos colaboradores da clínica, que reflete diretamente na qualidade do trabalho realizado. “Temos auditado muitos laboratórios, mas dificilmente encontramos um local onde se trabalhe com tamanha satisfação. É uma alegria verificar o quanto a Esalq é pioneira nesta área”, afirmaram os auditores.

Segundo o coordenador da Clínica do Leite, professor Paulo Fernando Machado, a acreditação do Inmetro deve-se ao excelente trabalho realizado. “Entregamos resultados dentro dos padrões internacionais de qualidade e conseguimos atender todos os interessados. Além disso, mantemos ótimos índices de atendimentos e prazos, uma vez que nossos funcionários atuam em um ambiente de trabalho adequado para nossas exigências. Reforçamos, finalmente, a excelência da Esalq nas esferas de ensino, pesquisa e extensão. A acreditação é, portanto, uma garantia de que nossos trabalhos vão se perpetuar”, disse o coordenador da clínica.

Caio Nogueira / Divisão de Comunicação da Esalq

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados