Importância da literatura na vida do cidadão é tema do “USP Analisa”

Para entrevistadas, leitura auxilia na compreensão da realidade e na formação crítica de crianças e adolescentes

Despertar o interesse pela leitura em crianças e adolescentes é fundamental para formar cidadãos capazes de analisar criticamente o mundo ao seu redor. Para debater de que formas a leitura pode influenciar positivamente a vida das pessoas, o USP Analisa desta semana conversa com a presidente da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto Adriana Silva e a professora da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP, Elaine Assolini.

Para Elaine, pessoas que não têm acesso ao universo da literatura têm dificuldades não apenas na interpretação de mundo, mas também na comunicação. “Esse sujeito tem dificuldade no processo de diálogo, interpretar os fatos e acontecimentos à sua volta, dificuldade para argumentar. A leitura transforma o sujeito e ela pode proporcionar esse processo de transformação independentemente da escolarização. E isso é muito importante de ser apontado. Porque o sujeito pode não estar mais no âmbito escolar, no contexto escolar, ter aprendido a gostar de ler, ter se aproximado do universo de leitura e continuar sendo um leitor ao longo da sua vida”.

Outro ponto abordado pelas entrevistadas é a mudança nos ambientes das bibliotecas. “Essa biblioteca de hoje tem computador, tem internet, é um ponto de encontro. Não é só mais um espaço onde se guardam os livros. É um casamento perfeito a internet com a biblioteca. Defendo que as duas coisas combinam muito bem, porque a internet me dá três ou quatro páginas, me dá uma resenha do livro, não é toda vez que você tem o livro todo. Então eu vou à internet, faço uma primeira imersão no tema, tenho o nome de autores, porque a internet vai me indicando o que ler, desligo o computador e vou à biblioteca pegar aqueles livros”, explica Adriana.

O USP Analisa é uma produção conjunta da USP FM de Ribeirão Preto (107,9 MHz) e do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP.

Por: Thais Cardoso

 

Tags:

Textos relacionados