Aumentam casos de bruxismo em crianças

O bruxismo afeta 40% da população mundial, 15% são crianças

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O Saúde Sem Complicações desta semana conversa com o professor Marco Antonio Moreira Rodrigues da Silva, do Departamento de Odontologia Restauradora da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (Forp) da USP, que fala sobre o bruxismo e suas consequências.

O bruxismo é o ato de ranger e apertar os dentes de forma involuntária e inconsciente. Segundo o professor Rodrigues da Silva, o problema provoca desgaste nos dentes e muita dor na musculatura ao abrir e fechar a boca. O distúrbio ocorre com maior frequência durante o sono noturno, o que dificulta que o portador o perceba.

O professor explica, também, que o bruxismo na maior parte das vezes é um problema proveniente de causas emocionais, e que se torna um caso odontológico quando prejudica a estética e os dentes já estão extremamente desgastados.

O bruxismo é mais comum em adultos, diz, e ressalta que os casos em crianças têm aumentado, porque elas ainda muito novas são submetidas a atividades com muitas responsabilidades e também a uma agenda cheia de compromissos.

Por: Vitória Junqueira

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados