USP lança carteirinha digital para comunidade acadêmica

Aplicativo poderá ser usado para acesso aos restaurantes universitários e às dependências da Universidade

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn395Print this pageEmail

A Superintendência de Tecnologia da Informação (STI), por meio do Centro de Tecnologia de Informação “Luiz de Queiroz” (CeTI-LQ), em Piracicaba, está lançando a Carteirinha Digital USP (e-Card USP), destinada a alunos, docentes e servidores da Universidade. O e-Card USP atende às demandas das Pró-Reitorias de Graduação e de Pós-Graduação e da Superintendência de Assistência Social (SAS).

O aplicativo está disponível nas lojas Apple e Google Play e poderá ser acessado por meio da senha única do usuário USP.  Além da imagem no dispositivo móvel, o e-Card USP apresenta como novidade o uso do QR-Code (Quick Response Code), que é uma chave de segurança atualizada periodicamente para identificação do usuário no acesso aos sistemas corporativos da Universidade. Assim como a carteirinha física, o e-Card USP é pessoal e intransferível.

Os alunos ingressantes (de graduação, pós-graduação e pós-doutorado) terão acesso ao e-Card USP no momento em que receberem seu número institucional, sem a necessidade de espera pela confecção das carteirinhas físicas. Outra vantagem do aplicativo é que a atualização dos dados será automática.

“A STI tem procurado inovar subordinando seu trabalho às finalidades da universidade, provendo, com a qualidade e eficiência, serviços computacionais para o apoio às atividades acadêmicas e administrativas”, destaca o superintendente de Tecnologia da Informação, João Eduardo Ferreira.

O sistema de controle de restaurante, o Rucard 2.0, será o primeiro a utilizar o e-Card. No campus de Piracicaba e no Restaurante Central, em São Paulo, essa utilização terá início no próximo dia 9 de outubro. Nos demais restaurantes universitários, o aplicativo começará a ser usado a partir do dia 23 de outubro. A conferência de fotos de identificação nos restaurantes continuará existindo da mesma forma como é feita hoje com a carteirinha física.

Para o superintendente de Assistência Social da Universidade, Fábio Müller Guerrini, “essa é mais uma iniciativa na busca do aprimoramento e agilidade de nossos serviços”.

A próxima etapa será a utilização do aplicativo no controle de acesso às dependências da Universidade, ainda sem data definida.

O e-Card não garante que o benefício da meia-entrada nos ingressos para espetáculos culturais e esportivos possa ser oferecido sem a necessidade de apresentação de algum outro tipo de documento comprobatório.

Assista, a seguir, ao vídeo produzido pela STI sobre o funcionamento do aplicativo.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn395Print this pageEmail

Textos relacionados