USP lança roteiro cultural sobre o modernismo na cidade de São Paulo

O roteiro destaca a presença da USP em São Paulo e aponta aspectos históricos, culturais e arquitetônicos do modernismo na cidade. O passeio é gratuito e acontece sempre aos sábados.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Gratuito, passeio inclui visitas ao Museu Paulista, à Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Rua Maranhão e ao MAC do Parque Ibirapuera

O prédio da FAU, no bairro de Higienópolis, casarão art nouveau do início do século XX, é um dos locais visitados durante o roteiro

A Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária acaba de lançar seu mais novo roteiro cultural: “A USP e a São Paulo Modernista”. O roteiro destaca a presença da USP em São Paulo e aponta aspectos históricos, culturais e arquitetônicos do modernismo na cidade. O passeio é gratuito e acontece sempre aos sábados, das 10h às 14h, com saída e chegada na estação Alto do Ipiranga do Metrô.

O roteiro é uma oportunidade para que a população conheça o patrimônio histórico e cultural da USP, com pontos de parada em três órgãos da Universidade: o Museu Paulista, no bairro do Ipiranga; o prédio da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU), na Rua Maranhão, no bairro de Higienópolis, um casarão art nouveau do início do século XX que pertenceu à família Penteado e o Museu de Arte Contemporânea da USP, no Parque Ibirapuera, construído na mesma época que a Cidade Universitária, na década de 1960.

O percurso é feito de ônibus, que passa também pelos casarões da Rua Bom Pastor, no Ipiranga, e pelo centro da cidade, onde os visitantes podem observar algumas edificações modernistas, como os edifícios Montreal (1954), Eiffel (1956) e Copan (1966), projetados pelo arquiteto Oscar Niemeyer. Durante parte do trajeto, são tocadas músicas de Villa-Lobos e outros expoentes do modernismo brasileiro, selecionadas pelo crítico musical e de artes e professor da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), Lorenzo Mammí.

O Museu Paulista, no bairro do Ipiranga, é outro ponto de parada do roteiro

Uma equipe de mediadores, composta por historiadores, artistas plásticos e arquitetos, acompanha todo roteiro, que procura oferecer aos visitantes um olhar distinto sobre a implantação do modernismo na cidade, em suas múltiplas dimensões (arquitetônica, urbanística, econômica, sociocultural e política), evidenciando a passagem do século XIX até o ápice da consolidação do projeto modernista na cidade de São Paulo, nos anos 1950.

Estão abertas as inscrições para os passeios programados para os dias 15/12, 19/01/13 e 25/01/13, este último especial em comemoração ao aniversário da USP e da cidade de São Paulo. As inscrições podem ser feitas pelo site da Pró-Reitoria.

(Fotos: Cecília Bastos e Francisco Emolo)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados