USP e Princeton University firmam acordo para parceria estratégica

Com esta assinatura, em cerimônia realizada na Reitoria, em 31 de outubro, as duas Universidades vão dedicar-se ao desenvolvimento de uma colaboração especial, reconhecida como uma parceria estratégica, especialmente nas áreas de saúde global e arquitetura e urbanismo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail
A cerimônia de assinatura contou com a presença de dirigentes das duas Instituições

A USP recebeu a visita da delegação da Princeton University (EUA), no dia 31 de outubro, na Reitoria, para assinatura de um acordo de cooperação para parceria estratégica entre as duas Universidades.

Com esta assinatura, firmada pelo reitor João Grandino Rodas e pela presidente de Princeton, Shirley Tilghman, as duas Universidades vão dedicar-se ao desenvolvimento de uma colaboração especial, ampla e de longa duração, com base nos princípios de reciprocidade sustentável e de benefício mútuo, reconhecida como uma parceria estratégica.

As atividades apoiadas pela parceria deverão trazer diferentes disciplinas e grupos acadêmicos em ambas as Instituições dentro de um engajamento contínuo, conforme prevê o documento.

Atividades contempladas pela parceria estratégica

Como primeiro passo, serão empenhados recursos para expandir e desenvolver as colaborações existentes, especialmente nas áreas de saúde global e arquitetura e urbanismo.

Ao longo do tempo, segundo o documento de assinatura do acordo, esta parceria deve crescer para englobar outras áreas disciplinares, grupos e tipos de atividade, as quais podem incluir: intercâmbio de docentes, pós-graduandos, graduandos e membros da equipe técnica-administrativa; projetos de pesquisa colaborativa; disciplinas ministradas conjuntamente oferecidas em cada campus ou via tecnologia de longa distância, seminários planejados e apresentados conjuntamente; conferências e workshops; programações de estudos no exterior; programas conjunto de pós-doutoramento; e oportunidades de pesquisa para estudantes de pós-graduação e de graduação.

A expectativa é de que todas as novas colaborações acadêmicas sejam iniciadas pelos docentes em ambas as instituições, por meio de um processo de convocatória para propostas e divulgação e promoção por parte de um Comitê de Governança bilateral, o Council for International Teaching and Research (em Princeton), e pela Pró-Reitoria de Pesquisa (na USP) e as administrações centrais das duas Universidades. As Instituições parceiras dedicarão recursos especiais à ampliação do intercâmbio de docentes e estudantes de pós-graduação relacionados com as colaborações já existentes, inicialmente nas áreas de ciências sociais e arquitetura e urbanismo.

Este acordo de cooperação vigorará por cinco anos, a partir da data de sua assinatura, podendo ser reeditado após este prazo. Para constituir a coordenação deste acordo foram indicados pela USP, o pró-reitor de Pesquisa, e pela Princeton, o director of the Council for International Teaching and Research.

Mais visitas

De 17 a 25 de outubro, a Universidade – através da Vice-Reitoria Executiva de Relações Internacionais (VRERI) – também recebeu outras delegações de universidades estrangeiras para discutir futuras parcerias em pesquisa, intercâmbio e cooperação acadêmica, além de estreitar laços de cooperação: University of Georgia, University of Illinois, ambas dos EUA; National University of Singapure, de Cingapura; Uppsala Universitet, da Suécia; University of Strathclyde, da Escócia; e University of Exeter, da Inglaterra; e Universität Tübingen, da Alemanha.

Acesse o site da VRERI para mais informações sobre estas visitas.

(Foto: Francisco Emolo)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados