Reitora inaugura novos laboratórios na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

A reitora Suely Vilela, da Universidade de São Paulo (USP), inaugurou, pela manhã (06/03), três laboratórios com nível 3 de Biossegurança (BSL-3) do Centro de Pesquisa em Virologia e o Laboratório de Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP).

A nova infra-estrutura contribuirá para o fortalecimento das atividades de ensino, pesquisa e atendimento à comunidade, desenvolvidas por número expressivo de docentes, de graduandos e pós-graduandos, com o apoio de corpo técnico-administrativo.

Em seu discurso, a reitora destacou que os três novos laboratórios, criados a partir de normas e padrões internacionais de biossegurança, possibilitarão a realização plena das metas estabelecidas pela Faculdade, a partir da criação do Centro de Pesquisa em Virologia, inaugurado em 2005.

“Vale salientar que, ao se dedicar ao estudo dos mecanismos patogênicos das infecções causadas por inúmeros vírus, entre eles, os que provocam a dengue e a AIDS, o Centro constitui a base para o desenvolvimento de vacinas e de novos medicamentos. Os laboratórios, que justificaram a criação do Centro, caracterizam-se pela modernidade e pela capacitação a estudos na fronteira do conhecimento”, disse a reitora.

Sobre o novo edifício do Laboratório de Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental, Suely Vilela afirmou que ele suprirá a carência por um espaço capaz de acomodar, de forma satisfatória, as novas demandas geradas pela expansão das atividades do Laboratório, até então, realizadas no segundo andar do Hospital das Clínicas (HC). “Junto a esta Instituição, a Faculdade mantém um amplo complexo voltado à pesquisa, ao ensino e ao atendimento da população. Lembro que a obra deste novo edifício foi iniciada há alguns anos e, graças aos esforços conjuntos de diferentes membros da nossa comunidade e a investimentos da ordem de R$ 1,8 milhão, hoje temos o prazer de inaugurá-lo”, explicou.

Segundo o diretor do HC, Milton Laprega, o Laboratório de Cirurgia Experimental atende a três necessidades. A primeira é que a inauguração dos novos laboratórios libera espaço essencial no HC para a ampliação de serviços à população, como procedimentos ambulatoriais de cirurgias endoscópicas, por exemplo. Ele cita também o ensino de técnicas cirúrgicas para os estudantes da FMRP e a pesquisa, que é essencial para manter a projeção nacional e internacional da FMRP.

Os laboratórios com Nível 3 de Biossegurança (BSL-3)

Os laboratórios ocupam uma área de 1,244 mil m². As obras levaram três anos para serem concluídas e consumiram R$ 1,5 milhão na construção do prédio e R$ 3 milhões na instalação de equipamentos, com recursos da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo – Fapesp. São os mais modernos do país para a sua finalidade e possuem condições de biossegurança que excedem as especificações BSL-3. Incorporados ao Centro de Pesquisa em Virologia, os laboratórios capacitam a Unidade no diagnóstico das viroses humanas, na pesquisa dos vírus e na formação de virologistas. Os Laboratórios BSL-3 permitirão o manuseio de vírus patogênicos para o homem e de fácil contágio, em condições seguras para os pesquisadores e sem risco de escape viral para a população. Neles, serão realizadas pesquisas visando ao isolamento de vírus, ao conhecimento de sua estrutura e genoma, ao estudo da epidemiologia, ao desenvolvimento de métodos diagnósticos e à pesquisa de vacinas, bem como de drogas antivirais.

Prédio do Laboratório de Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental O Departamento de Cirurgia e Anatomia da FMRP ganhou um prédio de três andares, com área construída de 1,6 mil m². No primeiro andar, ficam os laboratórios de técnica cirúrgica para treinamento de mircrocirurgia e cirurgia laparoscópica. No segundo pavimento, os de cirurgia experimental nas áreas vascular e angiologia; urologia; neurocirurgia; cirurgia pediátrica; coloproctologia e cirurgia plástica; cirurgia toráxica e cardiovascular; gastroenterologia e terapia intensiva. Os novos laboratórios da FMRP receberam investimentos de R$ 1,7 milhões. Até então, esses laboratórios funcionavam dentro do Hospital das Clínicas.

(Com informações de Ferraz Jr. da Assessoria de Comunicação da Prefeitura do Campus de Ribeirão Preto) 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail