Nota sobre o fechamento dos portões em São Paulo – 07/08/14

O Tribunal de Justiça concedeu, no dia 24 de julho, a liminar de reintegração de posse à Universidade, que se

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

O Tribunal de Justiça concedeu, no dia 24 de julho, a liminar de reintegração de posse à Universidade, que se refere a todos os prédios da Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira”, em São Paulo.

O fechamento dos portões, que prejudica as atividades administrativas e acadêmicas da Universidade no dia de hoje (07/08) e se caracteriza como descumprimento da liminar, será comunicado à Justiça.

O corte no ponto dos salários dos grevistas tem fundamento legal. Estima-se que 10% dos servidores técnico-administrativos estejam em greve.

O Conselho de Reitores das Universidades Estaduais Paulistas (Cruesp), que congrega USP, Unesp e Unicamp, manteve sempre abertas as negociações, que, contrariamente ao divulgado pelos sindicatos, nunca foram fechadas, e agendou, para 3 de setembro, a sexta reunião, desde 12 de maio, para a discussão da data-base.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados