Ministro da Educação lança novo banco de dados da Capes na USP

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

(Foto: Ernani Coimbra)Em solenidade ocorrida na Sala do Conselho Universitário (Co), o ministro da Educação, Fernando Haddad, a reitora Suely Vilela e o presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Jorge Guimarães, lançaram, nesta segunda-feira (7), a nova aquisição do banco de periódicos da Capes, o banco de dados JSTOR, que oferece mais 174 títulos ao acervo do Portal de Periódicos Capes, que conta com mais de 12 mil volumes.

A coleção adquirida é o primeiro título da Coleção Artes e Ciências da JSTOR. Abrange 15 disciplinas, com publicações voltadas para áreas como economia, história, ciências políticas, sociologia, além de títulos sobre ecologia, matemática e estatística. Organização criada nos anos 90, a JSTOR conta hoje com 1 bilhão de acessos ao ano por parte de 4 mil instituições de ensino em todo o mundo, segundo o diretor de relacionamentos da instituição, Bruce Heterick, presente ao evento. De acordo com o presidente da Capes, outros bancos de dados da JSTOR também devem ser adquiridos.

Em seu discurso, o ministro Fernando Haddad reiterou a importância da Capes na formação de professores do ensino básico para o cumprimento total das metas do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE). Ele lembrou que o Brasil está, atualmente, entre os 15 países do mundo com a maior produção científica, mas na educação násica, não está nem entre os 50 melhores. O ministro destacou ainda a responsabilidade da Capes na reversão do número desses profissionais que se forma em universidades públicas (hoje ínfima, se comparada à quantidade dos formados em instituições particulares de ensino).

A reitora Suely Vilela ressaltou que os números de acessos no Portal de Periódicos da Capes, mais de 50 milhões de em 2007, refletem a democratização da informação em um país de dimensões continentais como o Braisl e o poder de uma das maiores bases de dados do mundo em incluir o contingente expressivo de instituições brasileiras de ensino e pesquisa.

"Essa coleção, a primeira produzida pelo Journal Storage, compila importantes publicações, sobretudo, nas áreas de humanidades, além da ecologia e da matemática, e, certamente, se somará aos diversos periódicos de importância que beneficiam essas áreas do saber. A nossa Universidade, alinhada ao objetivo que move a Capes, manifesta seu apoio a iniciativas como essa, que fortalecem o objetivo de prover a academia com uma das suas mais importantes ferramentas em prol da ciência, da tecnologia e da cultura", disse aos presentes.

Compareceram à solenidade representantes da Unesp, UFRJ, ITA, PUC, Ipen, Senac, Uniban, Metodista, Mackenzie, Fapesp, além do vice-reitor, Franco Maria Lajolo, pró-reitores da USP e dirigentes de Unidades.

Criado no ano 2000, o Portal de Periódicos da Capes já dispõe de mais de 12,3 mil periódicos no formato eletrônico, possibilitando a instituições de ensino superior de todo o país acesso rápido a novos periódicos lançados no Brasil e no exterior – além de economizar espaço em bibliotecas universitárias. A base de dados JSTOR se une agora a outras 126 bases já disponíveis no Portal Capes.

(com informações de Luciana Yonekawa, da Assessoria de Comunicação Social do MEC)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail