Instituto de Psicologia irá sediar o Programa de Tratamento e Prevenção de Álcool e Drogas do Sisusp

No dia 2 de junho, o professor José Franchini Ramires, coordenador do Sistema Integrado de Saúde da USP – Sisusp, visitou a Congregação do Instituto de Psicologia (IP) para apresentar o Programa de Prevenção e Tratamento de Uso de Álcool e Drogas da USP.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

No dia 2 de junho, o professor José Franchini Ramires, coordenador do Sistema Integrado de Saúde da USP – Sisusp, visitou a Congregação do Instituto de Psicologia (IP) para apresentar o Programa de Prevenção e Tratamento de Uso de Álcool e Drogas da USP.

Esse projeto surgiu da necessidade de tratamento e prevenção face aos crescentes casos de dependência de drogas, álcool e tabaco entre funcionários, docentes e estudantes. O Sisusp promoveu, em 22 de abril, o workshop “Por uma política de enfrentamento do uso de álcool, tabaco e drogas ilícitas na USP”, com o intuito de conhecer as diferentes experiências relacionadas ao problema das drogas na Universidade. Nesse workshop, a professora Maria Abigail de Souza, do IP, apresentou projetos de pesquisa e atendimento clínico desenvolvidos por docentes da Unidade.

A Congregação do Instituto, atendendo à solicitação do Sisusp, cedeu uma área no Centro de Atendimento Psicológico para sediar a coordenação desse programa, que terá como função administrar o projeto, centralizando as informações dos atendimentos realizados em diferentes locais – Hospital Universitário, Instituto de Psiquiatria (IPq -HC), Coseas, serviços de psicologia sediados em diferentes Unidades nos vários campi e clínicas conveniadas –, treinar agentes multiplicadores e desenvolver campanhas de prevenção.

Nos casos de urgência, os pacientes serão atendidos no HU, IPq ou clínicas conveniadas. Após a alta, receberão atendimento psicológico no local mais próximo à Unidade de origem, cabendo a centralização das informações sobre o acompanhamento destes pacientes à sede localizada no CAP. Há, hoje, vários pontos de tratamento. O objetivo do Sisusp é integrar esses pontos numa rede de suporte e de informação, visando a fornecer melhor acompanhamento da evolução dos pacientes e evitar re-internações.

O Instituto de Psicologia une-se aos esforços da Reitoria da USP no sentido de contribuir para o enfrentamento do problema do uso de drogas lícitas e ilícitas e para elaboração de políticas de combate a esse problema.

(Com informações da professora Emma Otta e Islaine Maciel, do Instituto de Psicologia)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail