Futuras instalações do MAC recebem visita da reitora da USP, do governador José Serra e do prefeito Gilberto Kassab

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Na próxima segunda-feira, dia 1º de outubro, a reitora da Universidade de São Paulo (USP), Suely Vilela, o governador do Estado, José Serra, e o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, farão uma visita às dependências do prédio do Palácio da Agricultura, no Ibirapuera, hoje ocupado pelo Detran, que deverá ser remodelado para abrigar o Museu de Arte Contemporânea da USP. 

A visita também será acompanhada pelo secretário Estadual de Cultura, João Sayad, pelo secretário de Segurança Pública, Ronaldo Augusto Bretas Marzagão, pelo pró-reitor de Cultura e Extensão Universitária da USP, Sedi Hirano, pela diretora do Museu, Lisbeth Rebollo, e pelo diretor do Detran, Ruy Estanislaw. 

O Palácio da Agricultura, localizado na Avenida Pedro Álvares Cabral, é um prédio histórico, idealizado pelo arquiteto Oscar Niemeyer em 1952, composto por duas edificações, a principal com mais de 21 metros quadrados e um anexo com 4.600 metros quadrados. O projeto para a reforma do prédio, que deverá ser executada pelo Governo do Estado, foi contratado ao próprio Niemeyer, cuja equipe terá como consultor museográfico o arquiteto Gabriel Borba, funcionário do MAC. A previsão é de que a nova sede do Museu seja inaugurada em 2009. 

“As novas instalações permitirão que o MAC-USP dê mais visibilidade a seu riquíssimo acervo, que é um dos mais importantes patrimônios de arte moderna e contemporânea do hemisfério sul, fortalecendo cada vez mais a relação da Universidade com a sociedade brasileira”, ressalta a reitora Suely Vilela.

O MAC 

O Museu de Arte Contemporânea da USP é um dos mais importantes museus de arte moderna e contemporânea da América Latina. Seu acervo possui cerca de dez mil obras — entre óleos, desenhos, gravuras, esculturas, objetos e trabalhos conceituais — de mestres da arte do século XX como Picasso, Matisse, Miró, Kandinsky, Modigliani, Calder, Braque, Henry Moore, Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Volpi, Brecheret, Flávio de Carvalho , Manabu Mabe, Antonio Dias e Regina Silveira, entre outros. 

O MAC foi criado em 1963, quando a USP recebeu de Francisco Matarazzo Sobrinho, então presidente do Museu de Arte Moderna de São Paulo, o acervo que constituía o MAM. Além desse acervo que se transferiu para a USP, Matarazzo e sua mulher, Yolanda Penteado, doaram suas coleções particulares ao novo museu. 

Mesmo ligado à pesquisa universitária, o principal objetivo do Museu tem sido, ao longo dos anos, tornar a cultura acessível a todas as classes sociais. Assim, o MAC realiza exposições com obras de seu acervo, oferecendo ao público os mais variados recortes e amplas possibilidades de percursos e leituras pela arte moderna e contemporânea. 

A visita ao Palácio da Agricultura terá início às 11h. O prédio está localizado à Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301,

em São Paulo. 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail