Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia comemora aniversário com homenagens

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

O vice-reitor no exercício da Reitoria, Franco Maria Lajolo (de terno azul), recebe homenagem do diretor da FMVZ, José Antonio Visintin (à esquerda), e do vice-diretor Enrico Lippi Ortolani (Crédito: Ernani Coimbra)

A Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) comemorou ontem, dia 15 de dezembro, os 90 anos da criação do curso de Medicina Veterinária e o 75º aniversário da Unidade. A cerimônia foi realizada no Anfiteatro Camargo Guarnieri, no campus de São Paulo, com a apresentação da Orquestra Sinfônica da Universidade, sob a regência do maestro Sadao Shirakawa.

"Devemos retornar a 1919 e refletir sobre a importância de todas as pessoas que passaram por esta FMVZ, nestes 90 anos, e o quanto elas são importantes, pois nos colocaram no topo desta pirâmide que é um paraíso, se comparado com as dificuldades que tiveram que ultrapassar para alavancar a Faculdade", destacou o diretor da Unidade, José Antonio Visintin, em seu discurso na abertura do evento. "Para se fazer história, é preciso preservar o presente, para que, no futuro, ele seja referência do passado", completou.

 

Em seguida, o diretor e o vice-diretor, Enrico Lippi Ortolani, homenageram os dirigentes da Reitoria, representantes do Governo de São Paulo, ex-diretores da Faculdade, representantes de entidades ligadas à área de Medicina Veterinária, além do egresso, do docente e do servidor mais antigos da Unidade (veja alguns dos homenageados na galeria de fotos).

História 

Com 95 anos, Waldemar Baroni Santos foi homenageado como o egresso mais antigo da Faculdade. Ele se formou em 1939. Como estudante, fundou a primeira revista técnica da área, que, em seguida, se transformou na revista cientifica da Faculdade.

O curso de Medicina Veterinária foi criado em 18 de dezembro de 1919 e era oferecido pelo Instituto de Veterinária de São Paulo, sediado no Instituto Buntantan, sob a responsabilidade da Secretaria da Agricultura. Em 1928, o Instituto foi transformado em Escola de Medicina Veterinária, sendo transferido para o Parque da Água Branca, em São Paulo.  A Escola foi incorporada à USP em 19 de dezembro de 1934 e passou a ser designada como Faculdade de Medicina Veterinária.

A Faculdade iniciou suas atividades em 1935, na Rua São Luis, 79, no centro de São Paulo, e, em 1937, se instalou na Rua Pires da Mota, 159, na Aclimação. Em 1969, a Faculdade foi transferida para a Cidade Universitária "Armando de Salles Oliveira".  Nesse mesmo ano, devido à reforma universitária a FMV passou a se chamar Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia. Em 1977, foi criado o curso de Zootecnia, sendo ministrado de 1979 a 1992, passando a ser oferecido, a partir de 1993, pela Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos, no campus de Pirassununga, onde são desenvolvidas, desde 1957, cerca de 40% das atividades da FMVZ. 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail