USP e Prefeitura de São Paulo assinam acordo para ampliar atendimento de saúde

A USP e a Prefeitura de São Paulo assinaram um convênio de apoio a atividades assistenciais e articulação do Centro de Saúde-Escola “Geraldo de Paula Souza” da Faculdade de Saúde Pública (FSP) com a Rede Municipal de Saúde de São Paulo, em ato realizado no dia 31 de agosto na Faculdade.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O convênio busca ampliar os atuais serviços prestados à população da região Oeste da Capital e implantar uma Unidade de Referência à Saúde do Idoso

cerimônia de assiantura do convênio
A cerimônia de assinatura teve a presença de integrantes da Faculdade de Saúde Pública, do Centro de Saúde-Escola “Geraldo de Paula Souza” e da Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo

A USP e a Prefeitura de São Paulo assinaram um convênio de apoio a atividades assistenciais e articulação do Centro de Saúde-Escola “Geraldo de Paula Souza”, da Faculdade de Saúde Pública (FSP), com a Rede Municipal de Saúde de São Paulo, em ato realizado no dia 31 de agosto, na FSP.

A parceria busca ampliar os atuais serviços prestados à população da região Oeste da cidade e implantar uma Unidade de Referência à Saúde do Idoso (URSI), integrada à rede de atenção da Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo. Além de realizar assistência integral com acolhimento humanizado, promoção e proteção da saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e manutenção da saúde aos adultos e idosos.

O convênio, que tem validade de um ano, permitirá a contratação de 46 novos funcionários para o Centro de Saúde-Escola, nas funções de enfermeiro, técnico de enfermagem, farmacêutico, técnico em farmácia e médico clínico-geral, que serão pagos com os recursos oriundos do acordo. O Centro de Saúde reabrirá o Ambulatório de Dermatologia, até o final de setembro, e  também ampliará seu atendimento com a inauguração de um ambulatório de pele do Idoso, Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) em idosos e serviço de prevenção ao câncer de pele.

Segundo o diretor do Centro, Paulo Rogério Gallo, o convênio insere a Unidade, oficialmente, à rede de atenção da Secretaria Municipal da Saúde e amplia sua atuação. “O Centro não será só um prestador de serviços, mas também será um gestor, fazendo o planejamento estratégico, atuando na tomada de decisões da rede de atenção e passando a ser parceiro da Secretaria”, destacou Gallo.

91 anos

Em novembro deste ano, o Centro de Saúde-Escola “Geraldo Horácio de Paula Souza” irá completar 91 anos de sua fundação. Além de oferecer atendimento de qualidade aos moradores de bairros paulistanos e desenvolver atividades de pesquisa e ensino, o Centro é referência no Estado de São Paulo e no país quanto à implementação de programas que norteiam ações do Ministério da Saúde e das Secretarias de Saúde Estadual e Municipal.

Centro de Saúde-Escola Geraldo Horácio de Paula Souza
O convênio, que tem validade de um ano, permitirá a contratação de 46 novos funcionários para o Centro de Saúde-Escola

Atualmente, o Centro tem importância estratégica do ponto de vista assistencial por atender pessoas de uma área distrital de maior abrangência do município de São Paulo, atingindo cerca de 110 mil moradores. Desenvolve atividades na atenção primária e secundária, enfatizando a importância do trabalho em equipe multiprofissional, com serviços que vão desde a geriatria, fonoaudiologia, dermatologia sanitária (hanseníase), saúde mental, saúde da mulher, da criança e do adolescente, tisio-pneumologia, homeopatia e nutrição até programas de atenção à violência sexual, terapia ocupacional e vigilância sanitária.

Diferentemente das Unidades Básicas de Saúde (UBS), que oferecem apenas assistência ao usuário, o Centro direciona seu foco também na formação de profissionais e na pesquisa científica, recebendo estagiários, residentes e profissionais de várias regiões de São Paulo e do Brasil. Todo ano, cerca de 500 alunos da graduação e profissionais exercem suas atividades nas dependências do Centro. São pessoas da própria USP, ligadas às Faculdades de Saúde Pública e de Medicina e à Escola de Enfermagem, bem como de instituições externas como Hospital Sírio-Libanês, Universidade Santo Amaro (Unisa), Hospital do Servidor Público Municipal, Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Instituto de Assistência Médica do Servidor Público Estadual (GO), dentre outras.

(Fotos: Adilson Godoy)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados