Faculdade de Saúde Pública comemora 100 anos com seminário internacional

O reitor Vahan Agopyan participou da cerimônia solene da abertura do seminário

  • 53
  •  
  •  
  •  
  •  
O reitor Vahan Agopyan (à esq.) durante a abertura oficial do seminário que comemora os 100 anos de criação da Faculdade Saúde Pública (FSP) – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Uma cerimônia solene realizada no Auditório João Yunes, no dia 20 de fevereiro, marcou a abertura oficial do Seminário Científico Internacional Comemorativo dos 100 anos da Faculdade de Saúde Pública (FSP), que tem como tema Perspectivas da Saúde Pública no século 21.

O evento de abertura contou com a presença de dirigentes da Universidade, representantes de organizações de educação e de saúde nacionais e internacionais, autoridades governamentais, além de professores, alunos e funcionários técnicos e administrativos da FSP. O seminário terá prosseguimento até o próximo dia 23, com a promoção de painéis e debates que versarão sobre os principais temas da atualidade no Brasil e no mundo na área de saúde, proferidos por docentes da FSP e de outras instituições (clique aqui e confira a programação).

O diretor da Faculdade, Victor Wünsch Filho, deu início à cerimônia ressaltando a relevância social da unidade. Durante sua fala, Wünsch destacou aspectos da história da FSP, cuja fundação remonta ao dia 9 de fevereiro de 1918, quando foi assinado um acordo entre o governo do Estado e a Junta Internacional de Saúde da Fundação Rockefeller para a criação do Laboratório de Hygiene junto à então Faculdade de Medicina e Cirurgia de São Paulo. A disciplina teve início em 4 de abril do mesmo ano e, em 1924, transformou-se no Instituto de Hygiene, incorporado à USP em 1938. O instituto passou a ser uma unidade de ensino e pesquisa da Universidade em 1945 e foi batizada como Faculdade de Higiene e Saúde Pública. Em 1968, com a Reforma Universitária, a Unidade passou a ser denominada Faculdade de Saúde Pública e começou a oferecer programas de pós-graduação.

Atualmente, a FSP oferece dois cursos de Graduação – Nutrição e Saúde Pública -, além de seis Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu nas áreas de Ambiente, Saúde e Sustentabilidade; Entomologia em Saúde Pública; Epidemiologia; Nutrição em Saúde Pública; Saúde Global e Sustentabilidade; e Saúde Pública. Possui cerca de 550 alunos de graduação, 500 de pós-graduação, 75 docentes e 220 funcionários técnicos e administrativos.

Durante sua fala, o diretor da FSP, Victor Wünsch Filho, destacou aspectos históricos da unidade – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

O diretor pontuou a relação da faculdade com cada instituição representada na mesa de abertura do evento. Dentre esses representantes, estavam o diretor da Faculdade de Medicina (FM) da USP, José Otávio Auler Júnior; a diretora da Escola de Enfermagem (EE) da Universidade, Maria Amélia de Campos Oliveira; a representante da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS), Janine Coutinho; e o diretor da Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health, Carlos Castilho Salgado.

Em seguida, o secretário Municipal de Saúde, Wilson Modesto Pollara, salientou a responsabilidade que a FSP carrega há 100 anos na resolução de problemas sociais “tão sérios”. “Temos grande interesse em manter e aumentar alianças e parcerias entre a Prefeitura de São Paulo e a faculdade, no sentido de melhorar a qualidade de vida e a saúde de nossa população”, afirmou.

O reitor da USP, Vahan Agopyan, em seu pronunciamento, também falou sobre a história da faculdade, sublinhando “a visão e o posicionamento das lideranças paulistas que forjaram este Estado e que, no século 19, ousaram na criação de escolas laicas, ampliando o acesso da população ao ensino, e de escolas superiores práticas, como a Faculdade de Saúde Pública”.

Agopyan também enfatizou ainda uma das principais características da unidade, que é a multidisciplinaridade, “mantida pela USP desde a sua gênese, quando foi criada a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras”.

O encerramento da cerimônia foi marcado pela apresentação do Grupo Azul do Coral da USP (Coralusp), que apresentou repertório de canções de compositores nacionais e internacionais.

Assista, a seguir, ao vídeo produzido em comemoração ao centenário da Faculdade.

  • 53
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados