Conselho Universitário aprova indicação de novos pró-reitores

Os novos dirigentes estarão à frente das quatro Pró-Reitorias da Universidade no biênio 2018-2019

Esta foi a primeira sessão do Conselho Universitário presidida pelo reitor Vahan Agopyan – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Na primeira sessão presidida pelo reitor Vahan Agopyan, realizada hoje, dia 13 de março, o Conselho Universitário deliberou sobre as indicações dos quatro novos pró-reitores e dos respectivos pró-reitores adjuntos da Universidade para o biênio 2018-2019.

São eles: Edmund Chada Baracat e Maria Vitória Lopes Badra Bentley (Graduação); Carlos Gilberto Carlotti Junior e Márcio de Castro Silva Filho (Pós-Graduação); Sylvio Roberto Accioly Canuto e Emma Otta (Pesquisa); e Maria Aparecida de Andrade Moreira Machado e Margarida Maria Krohling Kunsch (Cultura e Extensão Universitária).

(Da esq. p/dir.) Os novos pró-reitores Carlos Gilberto Carlotti Junior (Pós-Graduação), Sylvio Roberto Accioly Canuto (Pesquisa), Maria Aparecida de Andrade Moreira Machado (Cultura) e Edmund Chada Baracat (Graduação ) – Foto: Cecília Bastos / USP Imagens

Além da aprovação dos pró-reitores, o Conselho deliberou sobre a indicação do novo controlador-geral da Universidade: o atual diretor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA), Adalberto Américo Fischmann. A Controladoria é uma instância ligada ao Conselho Universitário responsável pelo acompanhamento da gestão contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial da Universidade e da execução orçamentária e sua conformidade com as diretrizes estabelecidas.

Na mesma sessão, foram eleitos os membros das Comissões Permanentes do Conselho Universitário – Comissão de Legislação e Recursos, Comissão de Orçamento e Patrimônio e Comissão de Atividades Acadêmicas – e da Comissão de Ética.

Graduação

Pró-reitor de Graduação, Edmund Chada Baracat – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

O novo pró-reitor de Graduação, Edmund Chada Baracat, é professor titular da Disciplina de Ginecologia do Departamento de Obstetrícia e Ginecologia da Faculdade de Medicina (FM). Coordenou a reformulação do currículo do curso de graduação em Medicina e foi pró-reitor de Graduação adjunto no período de 2014-2015. Desde 2016, coordena a Câmara Curricular e do Vestibular da Pró-Reitoria.

Pró-reitora adjunta, Maria Vitória Lopes Badra Bentley – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A pró-reitora adjunta, Maria Vitória Lopes Badra Bentley, é professora titular da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). À frente da Diretoria da FCFRP, no período de 2014 a 2018, implantou a nova estrutura curricular do curso de Farmácia-Bioquímica.

Dentre as diretrizes de atuação para o biênio estão a consolidação e a expansão dos avanços conquistados na gestão anterior, como a ampliação do processo de inclusão social e de acesso à Universidade, e a criação de novos projetos, com o desenvolvimento de programas especiais voltados ao acolhimento e acompanhamento dos estudantes da Universidade.

Pós-Graduação

Pró-reitor de Pós-Graduação, Carlos Gilberto Carlotti Júnior – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

Carlos Gilberto Carlotti Júnior é docente da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), onde foi diretor no período de 2013 a 2016. Naquela Unidade, também foi coordenador do Programa de Pós-Graduação em Clínica Cirúrgica e presidente da Comissão de Pós-Graduação. Carlotti assume o cargo de pró-reitor de Pós-Graduação para o segundo mandato.

Pró-reitor adjunto, Márcio de Castro Silva Filho – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

O novo pró-reitor adjunto, Márcio de Castro Silva Filho, é professor titular do Departamento de Genética da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (Esalq) e, até então, ocupava o cargo de pró-reitor pro tempore. Foi diretor de Relações Internacionais e diretor de Programas e Bolsas no País da Capes.

Como metas dos novos dirigentes para o próximo biênio estão a utilização de ferramentas já desenvolvidas pela Pró-Reitoria para promover o Programa Análise Quantitativa, que permitirá uma autoavaliação dos programas de pós-graduação em 2019, e o apoio na criação de mais disciplinas ministradas em línguas estrangeiras.

Pesquisa

Pró-reitor de Pesquisa – Sylvio Roberto Accioly Canuto – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

O professor titular do Departamento de Física Geral do Instituto de Física (IF), Sylvio Roberto Accioly Canuto, assume como novo pró-reitor de Pesquisa da Universidade. Canuto foi presidente da Comissão de Pós-Graduação do Instituto e chefe de departamento em quatro mandatos. Em 2018, foi indicado como membro da Academia Mundial de Ciências (TWAS, na sigla em inglês).

Pró-reitora adjunta, Emma Otta – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A docente do Instituto de Psicologia (IP), Emma Otta, assume o cargo de pró-reitora adjunta de Pesquisa. Emma foi diretora do Instituto no período de 2008 a 2011 e, atualmente, dirige o Centro de Pesquisa Aplicada em Bem-Estar e Comportamento Humano, núcleo de pesquisa multidisciplinar ligado à Fapesp.

A nova gestão privilegiará o caráter estratégico da área com o desenvolvimento de projetos voltados à interdisciplinaridade, inovação e internacionalização, bem como ações voltadas para o fortalecimento da divulgação da ciência produzida na USP para a população em geral.

Cultura e Extensão Universitária

Pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária, Maria Aparecida de Andrade Moreira Machado – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

A nova pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária, Maria Aparecida de Andrade Moreira Machado, é professora titular da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB), onde foi diretora no período de 2014-2018. Também foi superintendente do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC), o Centrinho.

Pró-reitora adjunta, Margarida Maria Krohling Kunsch – Foto: Cecília Bastos / USP Imagens

A pró-reitora adjunta, Margarida Maria Krohling Kunsch, é docente da Escola de Comunicações e Artes (ECA). Na Escola, foi diretora no período de 2013 a 2017. Coordena o Centro de Estudos de Comunicação Organizacional e Relações Públicas da ECA e desenvolve projetos de pesquisa relacionados com a temática da comunicação e sustentabilidade com forte dimensão social.

Dentre as diretrizes das novas dirigentes está a criação de formas e mecanismos para que as atividades culturais, artísticas e de extensão dos órgãos vinculados à Pró-Reitoria cheguem até a periferia da cidade, contribuindo para ampliar a inclusão social e fomentar o acesso à cultura e a capacitação profissional com foco nas demandas locais.

A partir da próxima semana, o Jornal da USP fará uma série de entrevistas com os novos pró-reitores da Universidade. 

Textos relacionados