Mais conselheiros relatam agressões de manifestantes

Mais professores da Universidade, membros do Conselho Universitário, relataram agressões sofridas no dia 7 de março, quando um grupo de cerca de 200 manifestantes tentou impedir, de forma violenta, a realização da sessão do órgão colegiado máximo da Universidade.

Conselheiros relatam agressões sofridas por parte dos manifestantes

No dia 7 de março, um grupo de cerca de 200 manifestantes tentou impedir, de forma violenta, a realização da reunião do Conselho Universitário e a discussão sobre os Parâmetros de Sustentabilidade Econômico-Financeira da Universidade. A entrada dos conselheiros foi bloqueada e professores foram agredidos.