USP sedia a Global Mil Week

Numa parceria entre a USP e a Unesco, a Escola de Comunicações e Artes (ECA) promove, entre os dias 2 e 5 de novembro, a Semana de Alfabetização Midiática e Informacional

Por - Editorias: Cultura
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

20161101_media_information_literacy2
.
Entre os dias 2 e 5 de novembro, a Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP se reúne com a Unesco (órgão da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) para promover a Semana de Alfabetização Midiática e Informacional: Novos Paradigmas para o Diálogo Intercultural, evento que integra a Global Mil (Media Education and Information Literacy) Week, que está em sua quinta edição anual. A programação será apresentada na USP e também na Escola Britânica de Artes Criativas (Ebac), localizada na Vila Madalena, em São Paulo.

MilClicks_PORTA expectativa de Gilson Schwartz, professor da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP e secretário executivo da comissão organizadora local do programa, é mobilizar os estudantes,  funcionários e professores da Universidade para promover os Mil Clicks, uma sigla para Media and Information Literacy, da Unesco. “Qual é o significado dos Mil Clicks? Trata-se de um novo conceito de moeda criativa para gerar uma economia de curtidas, compartilhamentos e social media entre os participantes. A experiência lida com conceitos de gamificação”, observa Schwartz, que também é economista.

Nas suas programações de educação, ciência e cultura, a Unesco conta com uma rede de universidades da Austrália, China, Egito, Fiji, Índia, Jamaica, Japão, Letônia, México, Marrocos, Nigéria, África do Sul, Espanha, Suécia e Estados Unidos.  A USP faz parte dessa rede internacional desde sua discussão na Suécia, em 2010, e seu estabelecimento formal em 2011, por meio da Escola de Comunicações e Artes, representada pela professora Esther Hamburger.

Gilson Schwartz, economista e professor da Escola de Comunicações e Artes da USP - Foto: Cecília Bastos/USP Imagens
Gilson Schwartz, economista e professor da Escola de Comunicações e Artes da USP – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

A meta da Rede Internacional de Universidades Milid (Midia and Information Literacy and Intercultural Dialogue) é trabalhar em uma cooperação mundial. Promover pesquisas e capacitações globais por meio de iniciativas de alfabetização midiática e informacional que reforcem a participação por meio de sistemas de mídia e informação livres e independentes, que favorecem o diálogo e a cooperação intercultural.

20161101_media_information_literacyA programação do evento na USP, segundo Gilson Schwartz, tem três focos principais. “O primeiro é a movimentação política internacional da Unesco. O segundo visa a ampliar as suas ações através das universidades, com suas pesquisas e estudos que envolvem políticas públicas em diversas áreas do conhecimento. E o terceiro foco é despertar a ação dos jovens. No programa, chamo a atenção especialmente para as diversas oficinas que estarão sendo desenvolvidas. É um trabalho muito amplo, com workshops e seminários.”

O programa está  aberto para a participação de todos os interessados. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do endereço http://tinyurl.com/h76s9xo.

 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados