Orquestra de Câmara mostra obras de compositoras brasileiras

Grupo Ensemble, da Ocam, faz concerto neste domingo no Instituto Tomie Ohtake, com entrada grátis

Por - Editorias: Cultura
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
O maestro Gil Jardim, diretor artístico da Orquestra de Câmara da USP – Foto: Divulgação/Ocam

Obras de compositoras brasileiras serão apresentadas pelo grupo Ensemble, da Orquestra de Câmara (Ocam) da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP, neste domingo, dia 20, às 17 horas, em apresentação gratuita no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo. O concerto da Ocam – que incluirá peças inéditas – marcará o encerramento da exposição Invenções

Léa Freire: inspiração em Shostakovich – Foto: Paulo Rapoport

da Mulher Moderna, Para Além de Anita e Tarsila, em cartaz desde junho naquele instituto, que mostra a trajetória de artistas modernistas do sexo feminino.

Desta vez, o Ensemble – que já se apresentou com diferentes formações em vários recitais desde a sua criação, em 2013 – será composto apenas de mulheres. Ele vai executar obras de três das mais importantes compositoras brasileiras da atualidade: Léa Freire, Valéria Bonafé e Patricia Lopes. A regência será do maestro Gil Jardim, diretor artístico da Ocam.

Patrícia Lopes: universo feminino – Foto: Marcelo Macaue

Com oito instrumentos diferentes – três violinos, viola, contrabaixo, flauta, oboé, clarinete, clarone e trompete -, o Ensemble também contará com instrumentistas convidadas, que farão acompanhamento com acordeão, violoncelo e percussão, além de voz.

De Patricia Lopes, o grupo apresentará Jardim das Flores, Hortência e No Ar da Noite, obras compostas especialmente para esta apresentação do Ensemble, que mostram como o universo feminino é percebido pela compositora. A Coisa

Valéria Bonafé: obra híbrida – Foto: Divulgação

Ficou Russa é a música de Léa Freire prevista no programa – composição que teve origem na audição de uma obra do russo Dmitri Shostakovich. Já de Valéria Bonafé, será executada Trajetórias – Eu Estou no Instituto Tomie Ohtake Fazendo Uma Trajetória Pessoal de Escuta, que, como ela afirma, “se localiza numa zona híbrida entre composição, improvisação e instalação”.

O concerto do grupo Ensemble, da Orquestra de Câmara (Ocam) da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP, será neste domingo, dia 20, às 17 horas, no Instituto Tomie Ohtake (Rua Coropés, 88, Pinheiros, em São Paulo, telefone 11 2245-1900). Entrada grátis.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados