Lavagem do Bonfim é tema de livro

No dia 10 de setembro, às 11 horas, na Pinacoteca do Estado, professor da USP lança ensaio fotográfico sobre a tradicional cerimônia realizada anualmente em Salvador, na Bahia

Por - Editorias: Cultura
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
20160909_01_atilio
Baianas em trajes típicos durante a Lavagem do Bonfim – Foto: Atílio Avancini
20160909_01_capa atilio
O novo livro de Atílio Avancini – Foto: Reprodução


.
Lavagem do Bonfim – Formas de Reportar
é o título do livro que o professor da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP Atílio Avancini lança no dia 10 de setembro, das 11 às 14 horas, na Pinacoteca do Estado (Praça da Luz, 2, centro, em São Paulo). A publicação é da Alameda Casa Editorial.
O livro reúne 80 imagens em preto e branco feitas por Avancini ao longo das sete cerimônias da Lavagem do Bonfim que acompanhou, entre 1994 e 2009. “Na construção narrativa da Lavagem do Bonfim, evidencia-se a convivência entre diferentes práticas religiosas (catolicismo e candomblé), bem como a interação entre o sagrado e o profano”, analisa o professor. “Promovida pelas baianas, a tradição faz da água o elemento central de limpeza, purificação e bênção dos peregrinos.”

A Lavagem do Nosso Senhor do Bonfim acontece sempre na segunda quinta-feira de janeiro depois do Dia de Reis, desde a segunda metade do século 18. Reunindo cerca de 1 milhão de pessoas, é o segundo evento mais popular da Bahia, atrás apenas do Carnaval.
Pós-doutor pela Université Sorbonne Nouvelle Paris 3 e Professor-visitante da Kyoto University of Foreign Studies, no Japão, Atílio Avancini é autor também de Entre Gueixas e Samurais – Fotografias e Relatos de Viagem.

 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados