ECA promove debates sobre movimentos feminista, negro e LGBT

A partir de 27 março, dois eventos reúnem especialistas para discutir a questão das minorias nas áreas de comunicações e artes

Por - Editorias: Cultura
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
Foto: Cecília Bastos/USP Imagens
Movimento feminista na USP – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Entre os dias 27 e 30 de março, a Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP sediará simultaneamente dois eventos sobre a luta de minorias pela conquista de espaço e reconhecimento nas áreas de comunicação e arte.

A semana começará com o evento Março: Mulheres na ECA, organizado por professores e grupos de pesquisa da unidade. Durante os dias 27 e 28, o Prédio Central  da ECA abrigará discussões acerca da representatividade feminina nos meios de comunicação.

“Debater gênero é extremamente importante e a nossa perspectiva na ECA é trabalhar a diversidade da forma mais ampla possível”, diz a professora Cláudia Lago, que ministrará a aula aberta sobre o livro A dominação masculina, de Pierre Bourdieu, bastante criticado e debatido pelo movimento feminista. “A gente ainda vive uma sociedade extremamente pouco igualitária, na qual as mulheres estão especialmente sujeitas a uma dose de violência muito grande e que deve ser combatida. Discutir essas questões é fundamental para que a Universidade faça a sua parte”, completa.

Para o evento, estão confirmadas as professoras Mayra Rodrigues Gomes e Rosana de Lima Soares, do Grupo de Estudos MidiAto, Maria Cristina Palma Mungioli, do Grupo de Estudos GELiDis, dentre outras.

Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Evento busca promover discussão sobre minorias – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Também no dia 28, começa a Semana Emancipa Artes e Comunicações, que acontecerá até o dia 30 de março e é articulada pelo Centro Acadêmico Lupe Cotrim e pelas empresas juniores da ECA, Com-Arte Jr., ECA Jr. e Jornalismo Júnior.

Os estudantes debaterão os avanços e desafios dos movimentos negro, LGBT e feminista nas carreiras de comunicações e artes. Dentre os palestrantes confirmados estão a professora de filosofia Luiza Coppieters, o professor de jornalismo da ECA Dennis de Oliveira, os jornalistas Maurício Moraes, Maria Rita Casagrande e Ana Claudia Mielke, e a blogueira e professora da Universidade Federal do Ceará (UFC) Lola Aronovich, que participará por videoconferência.

Mais informações: sites Março: Mulheres na ECA e Semana Emancipa Artes e Comunicações

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados