Desenhos traçam a diversidade da arte de Di Cavalcanti

Galeria da Reitoria traz a mostra “Papel em Destaque”, com 41 desenhos do artista, que integram o acervo da USP

Por - Editorias: Cultura
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
Mostra reúne seleção de gravuras da coleção do Museu de Arte Contemporânea (MAC) da USP – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Os 120 anos de nascimento do carioca Emiliano di Cavalcanti são homenageados na mostra Papel em Destaque. A Galeria da Reitoria da USP apresenta uma seleção de desenhos que integram o acervo do Museu de Arte Contemporânea (MAC) da USP.

Os visitantes podem acompanhar o artista no início de sua trajetória como caricaturista e ilustrador. Apreciar o humor, a descontração em cenas do cotidiano como O Homem de Piteira, em nanquim sobre papel, de 1952, ou  a charge A Única Solução é a Guerra, de 1938, um desenho em grafite que surpreende pelos traços rápidos que sintetizam pessoas e o ambiente. Ou observar o pintor contemplando e enaltecendo as mulheres em cenas como no desenho Mulher Lendo, de 1933, em que acentua a delicadeza do rosto com traços em grafite.

O visitante conhece as charges e caricaturas que marcaram a trajetória de Di Cavalcanti – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

“Di Cavalcanti iniciou sua atividade artística como desenhista em 1914, tendo mantido sua dedicação ao desenho ao longo de toda sua trajetória artística”, observa Helouise Costa, curadora e professora do MAC. “O papel foi seu suporte preferencial tanto para os exercícios descompromissados do traço quanto para os trabalhos comissionados que realizou paralelamente à pintura.”

Os desenhos de Di Cavalcanti nos colocam diante de um artista extremamente versátil.”

A curadora Helouise Costa fez uma seleção pontual de 41 desenhos dos 564 que estão no acervo do MAC, procurando apresentar os aspectos característicos de sua produção gráfica. “Os desenhos estão distribuídos em quatro módulos que não obedecem a uma ordenação cronológica”, orienta.

Destaque para projetos cenográficos e decorativos – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

O primeiro módulo, Cenas e Personagens Brasileiros, reúne desenhos que mostram a diversidade da gente do cotidiano. “Mostra o comprometimento de Di Cavalcanti em retratar o Brasil em seus diferentes aspectos”, explica a curadora. O segundo, A Figura Feminina, é o artista entre as mulheres que ele tanto fez questão de reverenciar. No terceiro, Retratos, Charges e Caricaturas, o visitante vai ver personagens artísticos e culturais que Di homenageou ou criticou. E há também uma vitrine com as ilustrações para livros, revistas, projetos cenográficos e painéis decorativos.

“Os desenhos de Di Cavalcanti nos colocam diante de um artista extremamente versátil, orientado pela capacidade de responder a diferentes demandas”, destaca Helouise. “A grande diversidade de técnicas que utiliza e as variações estilísticas que adota em seus desenhos são extremamente reveladoras da personalidade inquieta de um artista que encontrou no papel um espaço de liberdade e experimentação.”

Sem título, 1928 – Divulgação

.

Projeto de Decoração: Casa Carioca, Rio, 1930 – Divulgação

.

Sem título, 1948 – Divulgação

.

Sem título, 1928 – Divulgação

Papel em Destaque está em cartaz até 15 de dezembro, de segunda a sexta-feira, das 9 às 18 horas, na Galeria da Reitoria da USP (Rua da Reitoria, 374, Cidade Universitária, São Paulo). Entrada grátis. 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados