Grupo de Cirurgia de Mão é premiado em congresso

Estudo premiado foi realizado no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O Grupo de Cirurgia da Mão do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP) da USP recebeu o prêmio de Melhor Pôster no trigésimo sétimo Congresso Brasileiro de Cirurgia da Mão. “A premiação é importante para a confirmação do bom trabalho realizado pelo grupo nas áreas de pesquisa e assistência”, comenta o médico Luiz Mandarano Filho.

No estudo, os pacientes com acometimento radioulnar, que é a alteração degenerativa na articulação do punho, passam por cirurgia com a técnica de Sauvé-Kapandji, criada em 1936. De acordo com Mandarano Filho, a operação permite a recuperação do movimento de rotação do antebraço em casos que, por algum motivo traumático ou não, ele foi perdido ou é doloroso.

Ainda segundo o médico, a avaliação funcional é realizada para estudar os resultados do tratamento cirúrgico. E a partir dos critérios compara as condições atuais com a pré-operatória. Entre os critérios estão: força de preensão (ato de agarrar, pegar, segurar) e amplitude de movimentos do punho e dos dedos.

O estudo Avaliação funcional pós-operatória em pacientes com acometimento radioulnar submetidos a técnica de Sauvé-Kapandji, dos  médicos Caroline Sena, Filipe Jun e Luiz Mandarano Filho e dos professores Cláudio Henrique Barbieri e Nilton Mazzer, foi premiado durante o congresso, realizado em Belo Horizonte, no final de março.

Por Giovanna Grepi

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados