Casa da Ciência abre inscrições para novos pesquisadores

Os novos integrantes vão contribuir com a formação dos alunos, seja palestrando ou orientando os grupos de pesquisa

Por - Editorias: Ciências
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn333Print this pageEmail
Programa Pequeno Cientista estimula jovens a fazerem pesquisa científica. Encontros são semanais e duram todo o semestre – Foto: Divulgação/Casa da Ciência

.
Estão abertas, até 29 de julho, as inscrições gratuitas para os pesquisadores e pós-graduandos interessados em participar do programa Pequeno Cientista da Casa da Ciência do Hemocentro de Ribeirão Preto, no segundo semestre de 2017. O programa prevê o desenvolvimento de um pequeno projeto de iniciação científica, envolvendo pesquisadores do campus de Ribeirão Preto da USP e alunos da rede básica de ensino. Os encontros são semanais, duram todo o semestre e se encerram com o Mural da Ciência, evento que segue os moldes de um congresso científico e serve para avaliar os resultados alcançados pelos estudantes.

Os coordenadores enfatizam que o pesquisador tem papel importante no desenvolvimento dos projetos da Casa, pois contribui para a formação dos alunos, seja palestrando ou orientando os grupos de pesquisa. Segundo a equipe, os profissionais ganham na formação acadêmica e pessoal, além de terem direito a certificado referente à colaboração.

Foto: Divulgação / Casa da Ciência

Os projetos de orientação podem ser enviados até o dia 15 de agosto e os interessados devem entrar em contato com a equipe da Casa da Ciência pelo e-mail: contato@casadaciencia.com.br ou telefone (16) 2101-9308. As atividades do segundo semestre terão início no dia 3 de agosto, com encontros sempre às quintas-feiras, a partir das 14h30, no Hemocentro de Ribeirão Preto, que fica na Rua Tenente Catão Roxo, 2.501.

Casa da Ciência

A Casa da Ciência é um programa do Hemocentro de Ribeirão Preto que desenvolve atividades de ensino de ciências com objetivo de apoiar e aproximar a pesquisa científica de alunos e professores da rede básica de ensino. Coordenada pela professora Marisa Ramos Barbieri, a Casa iniciou suas atividades como parte educacional do Centro de Terapia Celular (CTC), um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (Cepid), financiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

Da Assessoria de Comunicação do Hemocentro de Ribeirão Preto

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn333Print this pageEmail

Textos relacionados