Vinho tinto evita o colesterol ruim, afirma enólogo

Segundo Mauro Marcelo Alves, o vinho tinto possui antioxidantes que barram a ação de compostos responsáveis pelo mau colesterol

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
Foto: Visualhunt
Foto: Visualhunt

Que brasileiro adora carne todo mundo sabe, a pergunta que se faz, porém, é a seguinte: a ingestão de carne, acompanhada por um bom vinho, ajuda na metabolização, impedindo os efeitos eventualmente nocivos da gordura?

A resposta é sim, garante o enófilo Mauro Marcelo Alves para a sua coluna semanal na Rádio USP. Nesse caso, porém, o herói da história não é a carne, e sim o vinho.

Segundo ele, é benéfico beber vinho tinto enquanto se ingere carne vermelha, pois a bebida combate os efeitos do colesterol ruim no organismo. Marcelo Alves cita as pesquisas comandadas por um professor da Universidade Hebraica de Jerusalém, as quais atestaram a eficácia da bebida no controle do mau colesterol.

Ocorre que o vinho tinto possui antioxidantes que barram a ação nociva de compostos presentes na carne, compostos esses que se acumulam na corrente sanguínea e que são, justamente, os responsáveis pelo mau colesterol. Portanto, beber vinho tinto, com moderação, é sempre bom, afirma o enólogo.

.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados