Vacina que reduz colesterol é testada em humanos

Pesquisa é importante e traz avanços no controle do colesterol ruim, o LDL, analisa professor da FMRP

Por - Editorias: Atualidades, Rádio USP
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Cientistas da Universidade Médica de Viena, na Áustria, começam a testar em humanos a vacina conhecida como AT04A que leva o corpo a produzir anticorpos contra a enzima PCSK9, que permite que o chamado mau colesterol, o LDL, se acumule no sangue, o que aumenta o risco de aparecimento de doenças cardiovasculares.

A vacina produz anticorpos contra a enzima que permite que o LDL se acumule no sangue – Foto: André Luiz D. Takahashi / Flickr / Domínio público

Testada em ratos alimentados com uma dieta rica em gordura e nada saudável, a vacina permitiu uma redução de 53% do colesterol. Por outro lado, a redução de danos nos vasos sanguíneos foi de 64% e da inflamação, 28%, na comparação com os ratos submetidos à mesma dieta, mas sem receber a vacina.

“Trata-se de um importante estudo que pode trazer alívio para milhões de pessoas que precisam controlar o colesterol. Mas isso só deve ocorrer dentro de alguns anos, quando os testes em humanos ficarem prontos e confirmarem a eficácia da vacina”, explica o professor José Ernesto dos Santos, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP.

 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados