Um ano de Macron: a França para além de seu território

Especialista analisa a política externa do presidente francês até o momento

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Perto de completar um ano no poder, o governo de Emmanuel Macron vem atuando de forma perene e árdua em sua política externa. Para Kai Enno Lehmann, professor do Instituto de Relações Internacionais na Universidade de São Paulo, essa costuma ser uma característica dos presidentes franceses. Ele explica que se esperava um foco na União Europeia e nas consequências do Brexit, o que de fato ocorreu, mas ainda na forma de propostas e não de atitudes práticas.

Quando o assunto são os EUA, o professor conta que Macron, apesar das diferenças com Trump, está sabendo lidar com o presidente estadunidense, mantendo de certa forma um equilíbrio nessa relação. Sobre a questão do terrorismo, Kai Enno Lehmann opina: ”Algo muito positivo foi encerrar o estado de emergência sobre o qual o país estava desde 2015”.

O esperado agora é a continuidade do trabalho. Entre os questionamentos que ficam, o especialista relata que os principais são: Macron vai levar para a frente as propostas de reformar a União Europeia? Será o novo líder do bloco, visto que Angela Merkel vem se enfraquecendo? As respostas virão ao longo dos próximos anos. Confira a matéria completa no player acima.

 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados