Transplante de útero marca tradição inovadora da medicina da USP

Saldiva comenta sobre pioneirismo da Faculdade de Medicina em procedimentos de alta tecnologia

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina (HC-FM) da USP realizou, com pioneiro sucesso, o parto de um bebê nascido de um útero transplantado de uma mulher com morte encefálica. O órgão foi doado e não houve rejeição, ocorrência inédita na medicina mundial.

Saldiva conta como esse fato reflete a tradição da medicina uspiana no desenvolvimento da medicina de alta tecnologia. O professor relembra outros transplantes pioneiros no Brasil, feitos na USP. Além disso, ele destaca as novas iniciativas de pesquisas feitas na área, como a humanização de órgãos de porco para transplante em humanos.

O quadro Histórias do Saldiva é apresentado todas as terças-feiras no Jornal da USP pelo Dr. Paulo Saldiva, professor da Faculdade de Medicina (FMUSP) e atual diretor do Instituto de Estudos Avançados da USP (IEA). Nele, o professor conta um pouco da história da Universidade.

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Você pode ouvir o quadro completo no player acima.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados