Terminologias das diversidades ainda são um desafio para muitos

Manuais e livros tentam suprir essa dificuldade, como o lançamento gratuito do Manual de Comunicação LGBTI+
 

 

Um dos grandes desafios da contemporaneidade é como falar e tratar o outro dentro das diversidades. O professor Ricardo Alexino Ferreira diz que “a grande dificuldade na contemporaneidade é como narrar o outro; ou seja, como falar e o que falar sobre o outro”.
Segundo ele, desde que os segmentos das diversidades começaram a lutar para que as suas histórias sejam contadas, na mídia e na educação, tem-se criado um campo de tensão em que não é suficiente apenas falar sobre determinado grupo, mas como vai se falar sobre o segmento da diversidade.
Para reverter essas situações, foram lançados manuais como suporte didático-pedagógico voltados para comunicadores e educadores. Um deles é o Manual de Comunicação LGBTI+, lançado pela Aliança Nacional LGBTI+ e Rede GayLatino, e com apoio do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (UNAIDS); OAB Federal; Universidade Federal do Paraná; Federação Nacional dos Jornalistas e várias outras entidades.
O Manual de Comunicação LGBTI+ tem distribuição on-line gratuita para os interessados.

Textos relacionados