Sem internação, tratamento com cateter reduz tamanho da próstata

Estudo ganhou prêmio de melhor publicação ao demonstrar eficiência, segurança e garantir qualidade de vida

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

A hiperplasia benigna consiste no aumento da próstata devido a uma maior circulação de sangue pelo órgão. Além dos mecanismos de tratamento já conhecidos, um estudo conduzido na USP foi premiado por ter desenvolvido um procedimento inovador.

Câncer de próstata – Foto: IUN

Livre- docente da Faculdade de Medicina (FM) da USP, Francisco Cesar Carnevale explica que o processo funciona com um cateter, que deposita microesferas de resina que impedem a chegada de sangue aos nódulos, os quais  morrem, resultando na diminuição do tamanho da próstata em até 40%. Sem a necessidade de internação, o tratamento retira os sintomas, não causando efeitos colaterais  como a incontinência urinária ou a disfunção erétil.

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados