Professor comenta afastamento de Calheiros da presidência do Senado

Com a decisão liminar do ministro Marco Aurélio, o presidente do Senado Federal fica provisoriamente afastado da linha sucessória da Presidência da República

Por - Editorias: Atualidades, Rádio USP
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Acompanhe a entrevista do repórter Fabio Rubira com o professor Rubens Beçak, da Faculdade de Direito da USP de Ribeirão Preto:

logo_radiousp790px
.

00_zero

Presidente do Senado, Renan Calheiros - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Presidente do Senado, Renan Calheiros – Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal, afastou por liminar o senador Renan Calheiros do cargo de presidente do Senado Federal. Na decisão, o ministro entende que réus não podem ocupar cargos que estejam na linha sucessória da Presidência da República. A questão ainda está em discussão no Plenário do Supremo. A Rádio USP conversou com o livre-docente em Teoria Geral do Estado, da Faculdade de Direito da USP de Ribeirão Preto, Rubens Beçak.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados