Para colunista, balanço da atual administração municipal deixa a desejar

Guilherme Wisnik comenta os efeitos das decisões tomadas pelo prefeito João Doria em um ano de gestão

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Na coluna desta semana, Guilherme Wisnik, professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, comenta o abandono que a cidade sofreu durante o primeiro ano da prefeitura João  Doria. De acordo com o arquiteto, a agenda do prefeito está totalmente voltada à Presidência, o que levou a uma situação de desamparo da metrópole.

Segundo o professor, as ações de João Doria Jr. tiveram grandes consequências: o enorme aumento do número de acidentes com bicicletas, a deserção de ciclofaixas e ciclovias (que hoje permanecem em São Paulo como fantasmas), a falta de manutenção das pedras portuguesas nas calçadas, entre outras. 

Ouça o áudio da coluna acima.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados