ODS 13 e o aquecimento global

No entender do colunista, é difícil tratar do ODS 13 sem avaliar a longa novela das negociações climáticas realizadas em 22 conferências de partes (Cops).

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail
Aquecimento Global - Foto: Miradas.com.br via Visual Hunt
Aquecimento global – Foto: Miradas.com.br via Visual Hunt

O Objetivo de Desenvolvimento Sustentável de número 13 trata da importante questão do aquecimento global, “certamente o mais decisivo para que possamos falar sério sobre sustentabilidade na segunda metade do século”, afirma o professor José Eli da Veiga, para quem é bastante sintomático que esse ODS só tenha cinco parágrafos, menos da média dos demais, e que seja o único a conter um asterisco, que remete a uma enfática nota de rodapé sobre a necessidade de que qualquer negociação só seja feita no âmbito da Convenção-Quadro da ONU sobre a mudança do clima. A redação desse objetivo, apesar de ser razoável, mostra que houve um compromisso com as forças que querem retardar ao máximo um sério ataque ao problema do aquecimento global.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados