Lista de Janot cria tensão no Congresso e rumores de anistia a caixa dois

Lista sinaliza a ocorrência de uma hecatombe no sistema político brasileiro, ao comprometer cerca de 200 parlamentares

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

logo_radiousp790px
.

Rodrigo Janot: lista pode envolver 200 nomes de parlamentares que foram indicados nas delações da operação Lava Jato - Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
Rodrigo Janot: lista pode envolver 200 nomes de parlamentares que foram indicados nas delações da operação Lava Jato – Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

As emoções nunca “esfriam” em Brasília. Na semana passada, a segunda turma do STF aceitou denúncia do procurador geral da República, Rodrigo Janot, contra o ex-presidente do PMDB, senador Valdir Raupp, acusado de registrar recursos provenientes de propina como doação legal. O episódio criou extrema tensão dentro do Congresso Nacional, principalmente entre deputados e senadores que adotaram o mesmo procedimento.

Um segundo fato, igualmente efervescente, foi a publicação pela Procuradoria Geral da República da chamada “lista de Janot”, com nomes de parlamentares que foram indicados nas delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht. Já se fala até em anistia ao Caixa 2. Acompanhe acima, na íntegra, o comentário do cientista político José Álvaro Moisés.

 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados