Governo propõe política de incentivo ao combustível menos poluente

Por trás da ideia do RenovaBio está a preocupação com a redução das emissões de carbono para o mercado de combustíveis

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O professor José Goldemberg, em sua coluna semanal, comenta sobre a proposta do Ministério de Minas e Energia de criar um programa – denominado RenovaBio – que teria a finalidade de aprimorar o marco legal dos biocombustíveis no País.

Para o colunista, o RenovaBio parte de uma ideia interessante, a de que o valor de um combustível está diretamente ligado à qualidade de emissões de CO2 que produz. Quanto mais poluente o combustível, menos valorizado. Trata-se, na verdade,  de um instrumento para encorajar a produção de etanol de cana-de-açúcar.

 

 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados