Em relacionamentos amorosos, autopreservação supera busca afetiva

Relações saudáveis ajudam na saúde física e psíquica, mas a ansiedade pode interferir negativamente

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

O psicólogo doutorado pela USP, organizador da série de livros Relacionamentos amorosos: o antes, o durante e o depois, Thiago de Almeida, explica que, atualmente, há grande busca por realização afetiva nas relações amorosas. No entanto, muitas vezes esse discurso não condiz com a prática.

O pesquisador comenta a respeito dos benefícios de se apaixonar e também como a ansiedade pode trazer obstáculos para a realização dos relacionamentos ao ferir o sentimento de autopreservação.

Os volumes da série podem ser encontrados para download gratuito no site do psicólogo.

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados