Crítica é fundamental para garantir qualidade do jornalismo

Colunista analisa decisão do The New York Times de acabar com posto de ombudsman e como isso afeta o jornal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

No último dia 1o de junho, o The New York Times anunciou o fim do cargo de ombudsman do jornal que, desde 2016, vinha sendo ocupado por Elizabeth Spayd. Em comunicado à redação, o editor Arthur Sulzberger afirmou que a responsabilidade de servir como representante dos leitores ultrapassou os limites da redação e que o jornal pretende fortalecer a conexão direta com os leitores.

Na coluna dessa semana, o professor e jornalista Carlos Eduardo Lins da Silva critica a decisão do The New York Times e analisa o papel do ombudsman no fortalecimento do jornal enquanto instituição democrática e plural. Escute na íntegra.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados