Carro elétrico pode ser alternativa ao etanol

É o que pensa o professor José Goldemberg, ao analisar o carro elétrico sob o ponto de vista ambiental e de eficiência

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Do ponto de vista ambiental e de eficiência, o carro elétrico pode vir a ser uma alternativa para o etanol. A opinião é do professor José Goldemberg em sua coluna semanal para a Rádio USP. No entanto, para que essa eficiência seja alcançada, o carro elétrico deve dispor de uma bateria adequada e alimentada com energia renovável.

Nos EUA e em países da Europa, a energia elétrica é proveniente principalmente de fontes fósseis, uma condição que tira do carro elétrico a possibilidade de competir com o etanol. Por outro lado, segundo Goldemberg, é possível pensar em motores mais eficientes a partir do uso do etanol. “É algo que está ficando urgente aqui”, afirma o colunista. De todo modo, ele não acredita que o carro elétrico substitua o veículo convencional em um mercado como o brasileiro, em que o etanol ainda tem muito futuro.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados