Atividade física propicia vida longa e saudável, diz especialista

Simpósio internacional sobre longevidade discute os desafios de se aliar envelhecimento e bem-estar

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O Centro Internacional de Longevidade Brasil (ILC-Brasil), em parceria com a USP e o Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo (Iamspe), realiza, no dia 17 de outubro, o Simpósio Internacional de Longevidade.

O evento, segundo  Egídio Dórea, coordenador do Ambulatório de Clínica Médica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP e coordenador do projeto Envelhecimento Ativo, também da Universidade, busca destacar a importância da prevenção de doenças relacionadas ao envelhecimento.

Nesse sentido, o médico destaca o papel das atividades físicas. Para Dórea, a mídia tem dado mais atenção para a questão da longevidade, uma vez que o envelhecimento demográfico atinge diversas áreas da sociedade, inclusive a econômica. No entanto, ele não percebe a mesma preocupação do ponto de vista individual.

Dórea avalia que muitas pessoas só começam a se preocupar com as consequências físicas da passagem do tempo depois que uma doença surge. Ele reconhece que mudanças de hábito são difíceis, porém não se pode desistir no primeiro obstáculo.

Para mais informações sobre o evento e inscrição, acesse: http://ilcbrazil.org/portugues/noticias/simposio-internacional-da-longevidade-em-sao-paulo/

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados