Arte, comunicadora de emoções, transcendendo o tempo

Marcondes Filho : “A ciência tem pouco a dizer sobre a arte, são domínios estranhos entre si”

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

logo_radiousp_790px
.

Foto: Cecília Bastos
Foto: Cecília Bastos

No início, a arte não era diferente do trabalho dos artesãos. O termo, para eles, supunha a ideia de colocar em ordem. Inúmeros autores, artistas, escritores e pensadores se preocuparam em definir a noção de arte ao longo da história. Em tempos remotos, ela tinha como função imitar a natureza, mas isso mudou com o passar do tempo. “A arte consegue comunicar muito mais coisas do que a ciência jamais conseguiu. Ela é a forma mais plena da comunicabilidade humana. Não se explica a arte, se sente.”

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados